dos deputados únicos

A eleição dos deputados únicos JKM e AV representa, pelo que dizem, pelo que não conseguem dizer, pelo vazio de propostas ou pela forma simplificada e/ou caricatural como abordam os temas, uma visão estreita e enviesada da essência da política, dos seus mecanismos de produção e acima de tudo do seu propósito. Revela um défice de cultura política e valeria a pena começar por aí:
Educação política pública!
Mas expressa também as questões ausentes das abordagens, reflexões e soluções dos partidos tradicionais.
Em termos de cultura política, é factualmente correcto enquadrar a senhora JKM e o senhor AV em alguma família política?
São produtos (enquanto símbolos, não me adereço às pessoas evidentemente) distintos de um neoliberalismo pós-moderno. Paradigma esse no qual o conceito de “EU” é fundamental, definindo o seu carácter liberal e assenta numa construção política “à la carte”, atributo da condição pós-moderna definida por Jean-François Lyotard.

86314991_10157812989809373_5544299241465184256_o

 

 

 

 

 

Imagem: @mademoisellephoto

Porto.2020

 


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.