Carnet du bonheur

AP-CB00

Quando eu era criança usava o cabelo comprido com franja e tanto era rapaz como rapariga, entre vestidos e camisas militares.
Entre a minha mãe e o meu pai.

AP-CB01

Tenho uma submissão epidérmica que me acompanha sempre, mas a submissão consciente, essa é bem mais árdua.

AP-CB02

Recentrar-me.
Ou melhor,
centrar-me sem antes.
Apontar a intuição para a vontade de fazer coisas.
De aprender,
de partilhar.
Pelo prazer de o fazer.
E pensar no lado prático,
porque é preciso!

AP-CB03

Não conseguimos ver o que não reconhecemos.

AP-CB04

O resto e só vida humana.

AP-CB05

As pessoas gostam de histórias sobre o que não conseguem ver.

AP-CB07Is it?

Apontamentos soltos (palavras e imagens) no caderno digital móvel.

Lisboa, Porto e os quase-lugares entre ambos.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: