Dos livros e dos fotógrafos

No início foi o Sebastião Salgado , o caminho da reportagem pelo mundo e o brilho nos olhos dos homens, mulheres e crianças, independentemente da condição social, ou para lá disso mesmo. Uma imagem da beleza coletiva.

O Family of Man também me falou dessa igualdade do ser, por todo o lado.

Eat Bread and Salt dizia o provérbio russo transcrito no livro.

A Eve Arnold trouxe-me um plano de vida. Ser fotógrafa e assim fazer o caminho, traçá-lo, com pesquisa, para conhecer os sítios, as pessoas e depois ir.

Sabendo também que todos os caminhos excluem sem exceção outros, porque não é possível palmilhar duas estradas ao mesmo tempo.

O Gueorgui Pinkhassov devolveu-me a certeza de que o olhar sobre o real, pode ser o da poesia, que às vezes é só um reflexão pictórica quase abstrata e tão real como uma mimetica.

A balada da dependência sexual de Nan Goldin indicou-me a procura do caminho individual e que às vezes, muitas e muitas, é um novelo, um aglomerado, embrulhado, violento, caótico, de amor e raiva.

Ray’s a laugh de Richard Billingham mostrou-me como existe beleza, sempre, mesmo numa pequena abertura de luz, que nos faz experienciar esperança e reconforto no meio das vidas íntimas às vezes destruídas.

A Francesca Woodman apontou-me os fantasmas, a partir dos jogos infantis.

A Diane Arbus confidenciou-me que também para ela a técnica era apenas um acessório.

E The City de Mitch Epstein apaziguou-me esta demanda da beleza melancólica da banalidade do quotidiano. Da vida quando nada acontece.

Imagem

Maria em casa. Março 2013

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: